Andréia de Jesus

Andréia de Jesus é advogada popular, educadora infantil, funcionária pública e mãe-solo. Nascida no distrito de Venda Nova, em Belo Horizonte, é moradora de Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). Trabalhou como doméstica na juventude e é a primeira pessoa de sua família com curso superior, tendo seu ingresso na Universidade garantido pelas políticas de ações afirmativas. Esteve nas Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) e nas pastorais de rua e carcerária. Militante das Brigadas Populares e da #partidA, segue ao lado das pessoas privadas de liberdade e das ocupações urbanas, pela vida da juventude negra, por segurança pública cidadã e por melhores condições de vida nas periferias.

Eleita por meio da campanha coletiva da movimentação MUITAS, assume, em 2019, seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, onde constrói a experiência da Gabinetona: um mandato coletivo, aberto e popular junto de outras três parlamentares – Cida Falabella e Bella Gonçalves, na Câmara Municipal de Belo Horizonte, e Áurea Carolina, na Câmara dos Deputados, em Brasília.

Esta é a primeira legislatura em que mulheres negras ocupam cadeiras nesta casa Legislativa.

Áurea Carolina

Áurea Carolina é educadora popular, especialista em gênero e igualdade pela Universidade Autônoma de Barcelona e mestra em ciência política pela UFMG.

Em 2016, Áurea e Cida Falabella foram eleitas vereadoras pelo PSOL por meio da campanha coletiva da movimentação Muitas. Com 17.420 votos, tornou-se a mais votada da história da cidade e a mais votada entre homens e mulheres nos últimos 14 anos. Ao lado de Bella Gonçalves, primeira suplente da coligação, elas inauguraram na Câmara Municipal de Belo Horizonte a Gabinetona, uma experiência inédita de mandato compartilhado.

Em 2018, foi eleita deputada federal por Minas Gerais – a mulher mais votada do Estado e, novamente, a parlamentar mais votada na capital e na RMBH. Segue construindo este mandato coletivo, aberto e popular, agora em três esferas do legislativo, ao lado de outras três parlamentares – Cida Falabella e Bella Gonçalves, na Câmara Municipal de Belo Horizonte, e Andréia de Jesus, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Formada na convivência com movimentos sociais desde a adolescência, atua em lutas pela construção dos direitos da maioria da população, na busca por igualdade. Dedica-se às causas das mulheres, da negritude, LGBT, das juventudes, dos povos e comunidades tradicionais e das pessoas que vivem nas periferias.